Literatura. Tudo sobre Literatura Brasileira Portuguesa

o que é leitura“Toda a literatura consiste em dedicação para tornar a vida real”. Fernando Persona

Redigir é olvidar. A literatura é a forma mais deleitável de ignorar a vida. A música embala, as artes visuais animam, as artes vivas (como a dança a arte de simbolizar) entretêm. A primeira, porém, afasta-se da vida por fazer dela um ; as segundas, todavia, não se afastam da vida – umas porque usam de fórmulas visíveis então vitais, outras porque residem exatamente a mesma vida humana. Não é o caso da literatura. Essa simula a vida. Um romance é uma história do que nunca foi um drama é um romance oferecido sem narrativa. Um poema é a frase de convicções ou de sentimentos em linguagem que absolutamente ninguém emprega, porque que absolutamente ninguém fala em poesia.”

Fernando Persona

Para Fernando Persona, um dos mais grandes poetas da língua portuguesa, “redigir é olvidar”. Esse esquecimento, todavia, não afasta o jornalista daquilo que é real: ao gerar histórias, simular a vida nas páginas de um livro, este transfigura a verdade, inventa um cosmos autônomo desde verdades que não podem ser mensuradas pelos mesmos padrões das verdades factuais. Por meio dos variados gêneros, formas nas quais a linguagem literária se manifesta, a literatura toma corpo liberta-se do projecto das princípios; transforma-se em um poderoso instrumento de notícia interação, difunde a cultura democratiza o conhecimento.

A literatura, como toda a arte, é uma confissão de que a vida não basta. Talhar a obra literária sobre as próprias formas do que não basta é ser impotente para substituir a vida”.

Fernando Persona

Definir Literatura é tarefa árdua: vamos poder especular, porém nunca declarar categoricamente o que ela é. A Literatura está comumente usuária à teoria de estética, todavia, nem todo escrito literário é capaz de provocar efeito agradável ou catarse. A material-prima dessa sintoma artística é a termo, dela extrai múltiplas acepções, ressignificando-a ao transportá-la para outros níveis, onde a trova deve ou não residir — a trova não depende unicamente da mensagem para “viver”, porém também do receptor, aquele que lê.

Sem análise não se deve redigir. Tão-pouco sem comoção, porque a literatura não é, certamente, um jogo de palavras. É bastante mas. Eu diria que a literatura existe através da linguagem, ou melhor, apesar da linguagem”.

Jorge Luis Borges

Nesta seção que o Planeta Ensino preparou para você estarão a sua predisposição variados artigos sobre a Literatura Brasileira também sobre a Literatura Portuguesa – cuja história está indelevelmente ligada à nossa –, artigos que, por meio do estudo das escolas literárias, dos variados gêneros dos escritores, buscam desvendar a arte literária. Boa interpretação bons estudos!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *